Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Cachoeira da Pedra da Lua Branca

 Olá gente linda que curti meu blog.
 Esse post é especial para quem gosta de uma boa caminha pela floresta.  No dia que visitamos a Cachoeira da Maroca a dona Gloria que mora na estrada que dar acesso a Balbina nos contou sobre umas cachoeiras pouco conhecida. Falou-nos da Cachoeira Pedra da Lua Branca e como era bonita. Ficamos curiosos e tentamos visitar, mas como o acesso é difícil e é feito via fluvial você precisa agendar visita. O trajeto e feito de barco, dura entre 02h30min até a entrada que dá acesso a cachoeira, depois tem uma caminhada de 25 minutos com alguns obstáculos. Sugiro o uso do tênis, levar água, frutas, chapéu, pois a maioria dos barcos não tem cobertura.  Os barqueiros sai muito cedo então ou você pernoita nos chalés próximo ao rio urubu ou então faz como nos fizemos. Saímos de Manaus as 03h40minhs e chegamos a Presidente Figueiredo 05h50minhs tomamos café da manhã no café da Priscila.Pegamos o barco as 06h15min chegamos ao nosso destino as 08h40minhs para fazer a trilha de 25h00min minutos. Não dar para visitar essa cachoeira sem um guia, quase me perdi na trilha.  Todo o esforço da caminhada é recompensado com a belíssima visão da queda d’gua em meio rochas e floresta.  Depois de tomar banho aproveitei para explorar a área ao redor da Cachoeira e tirar fotos. Ficamos até 11:00 lá. Na volta foi uma aventura... Foi necessário descer duas vezes do barco para empurrar, por causa das corredeiras. Meu marido e meu filho gostaram de empurrar o barco, até as meninas resolveram descer para ajudar. Só eu mesma que fiquei no barco porque estava com a câmera registrando esse momento em família. O seu Fernando, nosso guia disse que é sempre assim, tem que descer mesmo uma vez na descendo rio e duas vezes subido o rio. Para completar o passeio fomos conhecer a toca do caititu e a caverna do morcego. A trilha é de 25min essa trilha é de nível difícil por causa dos obstáculos, como árvores, raízes e algumas áreas alagadas no percurso. A toca do caititu é linda! Foi batizada pelo Sr. Edinaldo dono das terras. Não tive coragem de entrar na caverna do morcego por que ela é muito escura e cheia de morcegos.


Tem mais umas cachoeiras que vamos conhecer na região, já marcamos a próxima aventura aguardem!







                     
                   
                                    Direitos autorais das fotos reservados ao blog geomistura

Nenhum comentário:

Postar um comentário